Qual a prótese de silicone ideal para mim?

Além da escolha do cirurgião plástico que irá realizar a mamoplastia de aumento, a escolha da prótese de silicone também é muito importante para garantir a satisfação da paciente após o procedimento. Entenda melhor como tomar essa decisão.

Atualmente, a cirurgia de mamoplastia de aumento é o procedimento estético mais realizado do segmento, devido, principalmente, à satisfação da maioria das pacientes que realizam o aumento das mamas com prótese de silicone. No entanto, para que o procedimento seja satisfatório, além de realizar a cirurgia com um profissional de confiança, é fundamental que o tipo da prótese de silicone escolhida seja compatível ao desejo e, principalmente, ao biótipo da paciente.

Quais tipos de prótese de silicone existem?

Existem, atualmente, algumas características que segmentam os tipos de prótese de silicone utilizados para o aumento das mamas durante a mamoplastia de aumento. São elas:

  • O formato da prótese de silicone, que pode ser redondo, cônico ou em formato de gota;
  • O perfil da prótese, que pode ser baixo, moderado, alto e super alto e define se a aparência da prótese será mais natural ou artificial;
  • O volume da prótese de silicone, que representa a quantidade de silicone que a prótese utilizada possui, auxiliando no aumento e na aparência das mamas.

A escolha destas características deve levar em consideração o desejo da paciente e principalmente a  indicação do  cirurgião plástico

Qual prótese de silicone é a ideal para o meu corpo?

Dentre os aspectos físicos que o cirurgião plástico leva em consideração na hora de indicar a melhor prótese de silicone para a paciente, considerando, também, as expectativas dela com relação ao resultado do procedimento, destacam-se a altura, a largura do tórax e a elasticidade da pele da paciente.

A altura é um item muito importante, visto que muitas mulheres de estatura baixa preferem próteses menores, pois as mais volumosas podem dar a impressão de estarem acima do peso. Afinal, foi o tempo em que a maioria das pacientes que realizavam a mamoplastia de aumento queriam ter um aspecto de seios “turbinados”. Atualmente, as mulheres preferem um resultado mais natural.

A largura do tórax é relevante para que os seios não fiquem desproporcionais à largura da paciente e a elasticidade da pele é determinante para decidir se será necessária a retirada de pele concomitantemente à inclusão da prótese de silicone (matopexia com prótese).

De uma forma geral, para escolher a melhor prótese de silicone, é fundamental analisar todas as opções que o especialista possui a disposição, além de avaliar as características físicas citadas, a fim de atingir as expectativas da paciente. Além disso, buscar um profissional de confiança, que seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Marque sua consulta na clínica de cirurgia plástica | Mario Farinazzo