Como é o pós operatório da mamoplastia redutora

A mamoplastia redutora é um tipo de cirurgia que tem o objetivo de corrigir o tamanho e o formato dos seios, por meio da retirada de tecido glandular, gordura e pele. O procedimento normalmente é indicado para mulheres que sofram de lesões no pescoço, ombro e cervical, ocasionadas pelo tamanho avantajado das mamas.

Como é realizada a mamoplastia redutora?

A cirurgia de correção mamária é antecipada pela realização de avaliação clínica e apresentação de exames mamográficos, biópsias e questionário acerca do atual estágio de saúde da paciente, histórico familiar de câncer, possíveis alergias a medicações e tipos de tratamentos médicos. A primeira etapa da cirurgia plástica consiste na retirada do tecido excedente da região mamária e em seguida é realizado o remodelamento dos seios.

Embora existam várias técnicas de redução mamária, a presença de cicatrizes é a regra e sua extensão dependerá da escolha de qual tipo de procedimento indicado para cada caso em particular. Normalmente, o tamanho da cicatriz irá variar de acordo com o tamanho das mamas, indo de uma pequena cicatriz periareolar até uma maior em formato de T invertido. O tempo médio de cirurgia é de 2 a 3 horas, variando de acordo com a complexidade do caso. A anestesia pode ser peridural ou geral. Após o procedimento, a paciente será encaminhada ao quarto, onde ficará em observação durante o período de 12 a 24 horas.

Cuidados no operatório

– Alimentação – recomenda-se que a paciente mantenha uma dieta leve e bem equilibrada na primeira semana após a cirurgia

– Sutiã – O uso do sutiã cirúrgico é de fundamental importância para a recuperação no pós-operatório. Ele deve ser colocado assim que a cirurgia for terminada, ainda no centro cirúrgico, sendo retirado apenas durante o banho. O período em que a paciente usará o sutiã será determinado pelo médico.

– Drenagem linfática – A realização de drenagem linfática é um fator importante para maior conforto da paciente e deve ser realizada por profissionais experientes.

– Retomada das atividades cotidianas – Estima-se que após uma semana atividades relacionadas a estudo e trabalho possam ser retomadas. Já atividades que demandem mais esforço físico, como correr, malhar e levantar pesos exigem mais tempo (2 meses ou mais) e devem ser liberados pelo cirurgião plástico de acordo com cada caso.