Abdominoplastia pós bariátrica

Após a realização da Gastroplastia, mais popularmente conhecida como Cirurgia Bariátrica ou operação de redução do estômago, é natural que o paciente precise realizar algumas cirurgias plásticas reparadoras e uma delas é a abdominoplastia.

A realização da abdominoplastia pós Bariátrica não é apenas possível como também indicada pela maioria dos cirurgiões plásticos que realizam o procedimento.

Isso porque, na maioria dos casos,  a pele não acompanha a grande perda de peso, gerando “excesso” de tecido. Esse tecido excedente, principalmente na região abdominal, traz um desconforto físico e emocional pois o contorno do corpo do paciente fica alterado.

Além disso, pode ocasionar dificuldades  para a higienização das regiões abaixo das “dobras” de pele. Em muitos casos, a pele pode ficar irritada e até aparecerem infecções por bactérias e fungos.

A abdominoplastia  tem o objetivo de remover toda pele e tecido adiposo em excesso e é  muito comum a realização do procedimento em pessoas que se submeteram à Gastroplastia.

Quando a abdominoplastia é indicada como uma cirurgia reparadora pós Bariátrica?

A cirurgia plástica do abdômen, também chamada de dermolipectomia, é indicada como um procedimento reparador para os casos em que, devido à rápida perda de volume corporal, forma-se um grande acúmulo de pele no abdômen do paciente em formato de avental.

Esse acúmulo de pele na região abdominal ocorre na maioria das pessoas que realiza a Gastroplastia e pode causar grande desconforto, como problemas de postura, dificuldade de integração social, problemas na vida sexual ou dificuldades para a higienização nas regiões de dobras de pele.

Para evitar que isso ocorra, muitos cirurgiões plásticos indicam a  abdominoplastia, lembrando que o procedimento é realizado quando o paciente atinge o peso desejado e mantém esse peso estável por, pelo menos, 6 meses.

A mesma regra vale para as, demais cirurgias reparadoras, tais como:

  • Mamoplastia;
  • Lifting dos braços (braquioplastia);
  • Lifting das coxas (cruroplastia);
  • Lifting facial (Ritidoplastia);
  • Lipoaspiração, e demais procedimentos que o especialista em cirurgias plásticas considerar necessários.

Vale lembrar que, assim como em qualquer outro procedimento cirúrgico, as pessoas que desejam realizar uma cirurgia reparadora pós cirurgia Bariátrica, é  muito importante passar por uma avaliação com um especialista.

Essa avaliação é fundamental para diversos fatores, como comprovar a real necessidade do procedimento, decidir o tipo de anestesia a ser utilizado.

Alinhar as expectativas do paciente com o cirurgião plástico, avaliar a possibilidade de associar a abdominoplastia a alguma outra cirurgia reparadora, entre outros aspectos. Apenas um médico especialista pode confirmar essas informações.

agende uma consulta