Entenda tudo sobre a rinoplastia estruturada

A rinoplastia estruturada é a técnica mais moderna de cirurgia plástica do nariz. Bastante diferente da rinoplastia redutora, que é o tipo mais antigo de correção nasal, ela apresenta resultados muito mais consistentes e menor propensão a deformações com o passar do tempo.

As deformações que o nariz pode sofrer após uma cirurgia plástica nasal se devem à ação de  pequenas forças que a agem  de forma contínua por um longo período de tempo. As principais forças são:

  • Fibroses – tecidos de cicatrização – geradas pelo organismo ao redor das estruturas remanescentes da cirurgia. tendem a se contrair com o passar do tempo, podendo   gerar distorções;
  • Movimentos respiratórios que podem  causar colapso das cartilagens e a redução das vias aéreas, causando disfunções respiratórias;
  • Memória das estruturas originais podem “forçar” o nariz à retornar à forma anterior.
  • Envelhecimento, que reduz a resistência das cartilagens do nariz, prejudicando a sustentação da pele do local.

A rinoplastia estruturada permite fortalecer a estrutura do nariz por meio da modelagem e reforço das cartilagens e ossos, possibilitando que eles sejam ajustados da melhor forma possível A técnica é bastante empregada na rinoplastia secundária, pois é muito eficiente para reparar defeitos  que surgiram após uma rinoplastia redutora ou para casos em que a cirurgia prévia não atendeu às expectativas do paciente.

A técnica estruturada é bastante indicada pelos cirurgiões plásticos e otorrinolaringologistas, pois é eficiente tanto no âmbito estético quanto funcional

Como é o procedimento?

Antes de realizar a rinoplastia estruturada  o especialista deverá avaliar alguns fatores, como:

  • Movimentação do nariz durante a respiração e expressões faciais,
  • Tipo  de  pele que reveste o órgão,
  • Força, espessura e posicionamento das cartilagens
  • Tamanho e forma da estrutura óssea do nariz
  • Disponibilidade de locais para retirar enxertos cartilaginosos com septo nasal, orelha e cartilagem costal.

Levando em consideração essas condições, o cirurgião plástico programa a cirurgia com o acompanhamento do paciente, nas consultas que antecedem a cirurgia estrutural.

Durante o procedimento,  os componentes (cartilagens, ligamentos, ossos) são expostas, “desmontados”, tratadas e reposicionadas de acordo com a programação previamente realizada. . Nesse processo, o cirurgião utiliza pequenas estacas de tamanho e formato variados confeccionadas sob medida `a partir da cartilagem retirada do septo nasal, orelha ou costela. Essas estacas são posicionadas e fixadas para  fortalecer a nova estrutura. A rinoplastia estruturada é uma técnica bastante versátil e permite tanto diminuir como aumentar o nariz, caso necessário.

Quais as principais vantagens da rinoplastia estruturada?

Dentre as vantagens que a rinoplastia estruturada proporciona ao paciente, comparada à rinoplastia redutora, é possível destacar:

  • Um resultado mais consistente, devido ao nariz possuir uma estrutura esculpida e reforçada pelos enxertos de cartilagem e pontos de fixação entre eles;
  • Uma nova estrutura nasal com menos chances de distorção devido às forças citadas, proporcionando um menor risco de gerar alterações estéticas ou funcionais ao paciente com o passar do tempo.
  • Possibilidade de aumentar determinadas regiões do nariz com a utilização de cartilagem esculpida.

Caso já tenha feito uma rinoplastia prévia e não tenha ficado satisfeito com o resultado ou está planejando realizar uma cirurgia reparadora de nariz, converse com um cirurgião sobre a rinoplastia estruturada.

agende sua avaliação de rinoplastia